As 2 substancias fundamentais para uma boa visao

Câncer: quais os principais aliados à prevenção e tratamento?

calendarPublicação: 20/09/2021- Última atualização: 16/09/2021
clock6min
Câncer: quais os principais aliados à prevenção e tratamento?
Pedro Bezerra Souza
Pedro Bezerra Souza

Editor

Anualmente no Brasil há uma média de 650 mil novos diagnósticos de câncer, os óbitos chegam a 280 mil; médicos da Jolivi Natural Health contam quais são suas principais recomendações para prevenir e tratar a doença

Dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca) alertam: o Brasil alcança, em média, 280 mil óbitos anuais pela doença. Já o número de casos são ainda mais assustadores: cerca de 650 mil novas pessoas são diagnosticadas com a doença a cada ano.

O câncer é uma doença que não está associada a idade, sexo ou raça. Ele pode acometer qualquer pessoa. Nos homens, os mais comuns são o de próstata, cólon e reto, traqueia, brônquio e pulmão, respectivamente. Já nas mulheres, mama, cólon e reto e colo do útero.

Quando se fala em câncer, comumente já se pensa em tratamentos como quimioterapia, radioterapia e cirurgia. Todos esses processos têm suas devidas importâncias, sim, mas pensar de maneira macro desde a prevenção é o melhor caminho.

O infovital convidou três médicos especialistas da Jolivi Natural Health para comentarem suas recomendações “número 1” para prevenir a doença e apoiar no tratamento. Confira:

Dr. Naif Thadeu: alimentação

O nutrólogo Dr. Naif Thadeu comanda o Protocolo Contra o Câncer, na Jolivi. Para ele, a principal recomendação para evitar um câncer é cuidar da alimentação e se atentar ao ambiente ao redor.

“Não coma carboidrato e coma gordura para o seu fígado não fabricar glicogênio. Depois, eu diria para as pessoas não se intoxicarem. Ou seja, evitar tudo que tenha metal tóxico e toxinas a exemplo de desodorantes, pastas de dente, batom e panelas. Trocar tudo isso por itens orgânicos”, aconselha o médico. O glicogênio é uma macromolécula armazenada pelo fígado, que funciona como uma reserva de glicose.

Um ensaio clínico desenvolvido na University of Illinois at Urbana-Champaign, nos Estados Unidos, atestou a relação entre carboidratos e o risco de câncer. Com estudos observacionais, os pesquisadores perceberam que os carboidratos são atribuídos à dificuldade no combate a células cancerígenas.

O Dr. Naif ainda faz um adendo: câncer não é genético. De acordo com ele, a família não está tendo a doença por causa de um gene. Muitas pessoas da mesma família podem ter câncer devido a hábitos em comum que ajudam no surgimento da doença.

Dr. Mikhael Marques: emocional

Com atuação na medicina antroposófica, o Dr. Mikhael Marques acredita no poder do emocional de cada indivíduo. À frente do Saúde Transformadora, o médico conta que já viu a vida de muitos pacientes mudar quando há um equilíbrio emocional. 

“Pode até parecer paradoxal por eu ser um médico. Eu trato do físico, claro, mas a saúde mental é fundamental nesse processo. Eu preciso ter a chave do poder da mente para abrir a porta de cura do paciente. Se eu não fizer ele acreditar que é possível se curar, não consigo ajudar”, relata o Dr. Mikhael.

Na Universidade do Kentucky, pesquisadores investigaram a influência da saúde mental em pacientes que venceram algum tipo de câncer. Segundo o estudo, a saúde psicológica nessas pessoas é definida pela presença ou ausência de sofrimento, bem como pela presença ou ausência de bem-estar positivo e crescimento psicológico. 

A pesquisa percebeu que os pacientes que tiveram estrutura e recursos psicológicos para lidar com o estresse e fardo da doença obtiveram melhores resultados na reversão do câncer.

O Dr. Mikhael aproveitou para dar uma segunda dica: a planta viscum album. Ela é considerada antitumoral e largamente usada em tratamentos na Europa. “Há muitos estudos que mostram o seu grande potencial contra tumores”, complementa.

Dr. Alain Dutra: vitamina C

A vitamina C é a dica de ouro do urologista Dr. Alain Dutra. Com exclusividade ao documentário A Verdade sobre o Câncer, da Jolivi, o médico contou que altas doses da vitamina, via oral e venosa, têm efeito anticâncer e anti-inflamatório.

“As dosagens elevadas, acima de 20g por sessão, podem ajudar bastante pacientes que enfrentam a batalha contra a doença. A vitamina C é um importante antioxidante com elevados recursos anti-inflamatórios”, destaca o urologista.

Um estudo desenvolvido na Ahvaz Jundishapur University of Medical Sciences, no Irã, constatou que a vitamina C tem um papel fundamental de aprimoramento do sistema imune e pode fornecer proteção contra o câncer. O texto da pesquisa ainda citou que pacientes com câncer costumam apresentar deficiência da vitamina C associada ao aumento de infecções e inflamações.

O Dr. Alain, que comanda o programa Próstata Blindada, também acredita na utilização da naltrexona em baixas dosagens. Apesar de ser um medicamento vendido em farmácia, a utilização dele na medicina integrativa parte de outro pressuposto. “Na farmácia ele tem uma dose muito mais alta do que usamos na saúde natural”, conta.

A dose padrão é de 50 a 60 mg nas farmácias. Porém, na medicina integrativa a dosagem é em torno de 1,5 a 4,5 mg. Trata-se de uma dose quase homeopática, que vai ter efeito potencializador no sistema imune e contribuir para evitar o câncer, afirma o doutor.

O alerta dos três médicos especialistas da Jolivi é que as recomendações são parte do tratamento que sugerem para o tratamento do câncer. 

Eles reafirmam que o combate à doença é complexo e deve envolver uma série de estratégias definidas entre paciente — que deve estar no centro das decisões — e seus médicos.

Referências:

Maino Vieytes CA, Taha HM, Burton-Obanla AA, Douglas KG, Arthur AE. Carbohydrate Nutrition and the Risk of Cancer. Curr Nutr Rep. 2019 Sep;8(3):230-239. doi: 10.1007/s13668-019-0264-3. PMID: 30895469; PMCID: PMC6660575.

Andrykowski MA, Lykins E, Floyd A. Psychological health in cancer survivors. Semin Oncol Nurs. 2008 Aug;24(3):193-201. doi: 10.1016/j.soncn.2008.05.007. PMID: 18687265; PMCID: PMC3321244.

Abiri B, Vafa M. Vitamin C and Cancer: The Role of Vitamin C in Disease Progression and Quality of Life in Cancer Patients. Nutr Cancer. 2021;73(8):1282-1292. doi: 10.1080/01635581.2020.1795692. Epub 2020 Jul 21. PMID: 32691657.

Pedro Bezerra Souza
Pedro Bezerra Souza

Editor

Suplemento de colageno tipo II e acido hialuronico
73 Curas sem Remedios